Rap E Liberdade De Expressão

Eu resolvi escrever um pouco sobre música aqui no blog, que é uma coisa que eu amo tanto quando moda e sinto falta de comentar sobre isso aqui.

O que eu vou escrever é minha opinião pessoal. Muitos tipos de arte são descriminadas, e isso me irrita, mas vou falar específicamente sobre rap, que é meu estilo musical favorito, dar minha opinião sobre sobre as letras polêmicas e sobre liberdade de expressão.B-RabbitEu escuto todo tipo de rap, dos mais pop aos old school, dos politicamente corretos aos incorretos, mainstream e underground. Eu sou muito mente aberta, em relação à tudo. Dependendo da sua visão, você pode achar que existem letras homofóbicas, que fazem apologia à drogas, violência, que degeneram a imagem da mulher, “músicas do mal” e etc. E realmente existem, mas em algumas das vezes isso é tudo mal interpretação.

Por exemplo, NWA rimava sobre violência, gangues e coisas do tipo. Eles estavam falando sobre o que viam e viviam todos os dias, dentro e fora de casa, e não glamourizando o mundo do crime nem nada do tipo. Eminem é muito criticado pelas coisas que escreve, ele já deu algumas entrevistas explicando o por quê de tanta violência nas letras:

As pessoas não me conhecem, elas não sabem quem eu sou de verdade e por que eu falo as coisas que falo. O que eu realmente estou fazendo é pegando as merdas que estão erradas no mundo e fazendo piada disso. Muitas pessoas escolhem ignorar o que está errado no mundo… Pobreza, falta de moradia, violência, estupro e toda essa merda. Eu visto isso, entendeu? E é por isso que um monte de gente não gosta de mim.”

Eu acredito muito na liberdade de expressão, censura é uma coisa que eu destesto. Eu acho muito ridículo quando os pais querem fazer o artista parar de cantar o que ele está cantando ou fazer o que está fazendo por que vai influenciar a cabeça do seu filho de 6 anos. Não estou dizendo que não influência, mas você tem que educar seus filhos. Se ele escuta músicas ou ver coisas na TV sobre matar, roubar e usar drogas, ele também tem que saber sobre dor, sofrimento, o que é cadeia e as consequências dessas ações. Porém digamos que um indivíduo matou alguém e ele escutava “música violenta”, a culpa não é do artista, a pessoa que matou não é normal, essa pessoa tem problemas. Abaixo vou deixar 3 músicas que falam um pouco sobre esse assunto.

When The Music Stop do D12 é sobre não confundir hip-hop com realidade quando a música acaba. No verso do Bizzare (o último) ele está confuso e fala sobre o que já fez por influência de músicas. No final ele pega uma arma para se matar, mas som para e ele percebe a realidade.

Para deixar claro, tudo o que ele fala que fez nessa música não é real. É apenas um verso inteligente para passar a mensagem que ele queria.

No 2° verso de The Way I Am, Eminem fala sobre o massacre de Columbine, e como a mídia jogou a culpa da tragédia no Marilyn Manson.

Stan é provavelmente a música que mais vai simplificar o que eu expliquei acima. Vou deixar o vídeo legendado, ele fala por si só.

Obviamente você não é obrigado a ter o mesmo gosto que eu tenho, se você se sente ofendido por esse tipo de música, não escute, mas também julgue. E para quem gosta, não repitam isso em casa, crianças!!!

Anúncios

6 comentários sobre “Rap E Liberdade De Expressão

  1. É mais fácil jogar a culpa na sociedade supostamente “corrompida” do que dentro de casa, né?! Concordo com o que disse…Quando houve o massacre de Columbine inicialmente ninguém parou para analisar os garotos, porém, todos julgaram as letras do Marilyn Manson porque era o que ouviam.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s