Unorthodox Jukebox

Bruno foi um dos primeiros cantores internacionais que eu me interessei, escuto ele desde o primeiro album e nunca enjoei. Hoje eu trouxe mais um album que eu gosto muito, o Unorthodox Jukebox do Bruno Mars. Eu estava em dúvida se preferia esse ou o Doo-Woops And Hooligans, então eu refleti aqui e ainda não sei, mas hoje vai ser o UJ mesmo. Unorthodox JukeboxEsse é o segundo album dele e foi lançado em 2012. Eu amo forte a produção das músicas, a maioria foi produzidas por Mark Ronson, Jeff Bhasker, Paul Epworth, Benny Blanco e outros. Você percebe a mistura e gêneros e referências enquanto escuta a album. Young Girls é pop; Treasure tem uma vibe old school, anos 80; Locked Out of Heaven é super Michael Jackson e Show Me tem batida de reggaee.

“Eu ouço vários tipos de música, e quero ter a liberdade e o luxo de poder dizer ‘Hoje eu quero gravar um hip-hop, um R&B ou um soul'”. 

As letras podem ser românticas/felizes/tristes/safadinhas e falam principalmente sobre mulheres mas também dinheiro, sexo, drogas e coisas da vida, né… Lendo essas palavras até parece que são músicas pesadas mas não é bem assim, elas são muito boas e bonitas. A voz dele faz tudo soar melhor ainda.Unorthodox JukeboxOs singles são: Locked Out of Heaven, When I Was Your Man e Treasure. É bem difícil escolher minhas 3 faixas favoritas por que eu simplesmente gosto de todas mas vamos lá.

• Treasure

Eu sou old school e todo mundo sabe disso, então não tinha como essa música não ser a minha favorita. A letra fala sobre uma menina que ele gosta, ela é maravilhosa e perfeita mas não sabe disso, então ele quer que ela se sinta valorizada.

• Gorilla

Gorilla é a faixa mais “pervertida” do album. O clip é maravilhoso e o Bruno tá uma coisa linda nele. Ele canta sobre cocaína e sexo e é muito boa mas se você não gosta de música assim, não escuta, não julga. Beijo.

• Young Girls

É sobre o amor dele por garotas e como ele é doidão por eles e faz de tudo para conquistá-las, isso está matando ele aos poucos, mas ele é um viciado e sempre volta para elas. *momento dramático*. Acho essa música um pouco triste na verdade.

ps. quero deixar claro meu amor por Locked Out of Heaven, When I Was Your Man, Natalie e Show Me.

Anúncios

3 comentários sobre “Unorthodox Jukebox

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s